Como evitar os tipos de fraudes mais comuns em uma empresa?

Desde que a década de 2010 iniciou, fatos negativos começaram a marcar o nosso Brasil. Com isso, podemos ver de forma escancarada o crescimento da corrupção e alguns tipos de fraudes proporcionados por governo e setor privado.

Muito se fala nos dias de hoje sobre compliance e boas práticas, nós da upLexis não queremos que isso seja apenas uma moda! Queremos contribuir para a mudança e a expansão de uma cultura íntegra nas organizações.

Confira o artigo: A importância da ética empresarial!

Para combater algo, precisamos conhecer bem qual é o inimigo. Neste artigo, iremos abordar algumas práticas de combate aos tipos de fraudes mais comuns em uma empresa.

Listo aqui abaixo, quais atos fraudulentos são cometidos com uma certa frequência nas organizações:

  • Roubo de informação
  • Corrupção e suborno
  • Roubo de ativos físicos
  • Lavagem de dinheiro
  • Favorecimento de fornecedores

Você pode conferir melhor qual a margem de ocorrência desses atos nesse artigo, nele você também irá encontrar outra abordagem interessantíssima, a vulnerabilidade das empresas.

Por onde se deve começar?

Em nossa juventude, costumamos receber um conselho muito interessante dos mais velhos e, ao atingir a maturidade, percebemos que a frase “O exemplo deve partir de cima” é uma realidade.

Vivenciamos um período onde a parte de “cima” não tem oferecido bons exemplos. É claro, não podemos generalizar, ainda existem ótimos líderes que podemos nos inspirar.

Quando falamos de empresas, sempre vêm em nossas mentes aquele líder exemplar e inspirador, mas, é fato que a realidade do nosso país tem mostrado que alguns líderes estão propensos a cometer alguns tipos de fraudes.

Recomendamos a leitura: A importância da governança corporativa nas empresas.

A liderança de uma empresa muitas vezes representa a imagem da companhia e, porque não, é o espelho dos colaboradores que sonham um dia chegar no ápice da gestão.

Dessa forma, onde todo início de combate deve acontecer, é na direção da empresa, a parte de “cima”, que não só pode, como deve dar o exemplo de integridade boas práticas de gestão.

3 dicas para você começar a combater os tipos de fraudes mais comuns em sua empresa!

Como citamos no início do artigo, essas dicas são para você começa a garimpar todos os tipos de fraudes que acontecem constantemente na empresa que você trabalha ou dirige.

Uma coisa é importante esclarecer, esse trabalho precisa ser levado com muita seriedade pela alta gestão de uma empresa, é algo que precisa estar inserida na cultura do negócio.

Sem mais blá, blá, blá. Vamos as dicas!

1 – Aplicar um programa de compliance sério!

desenvolver-um-bom-programa-de-compliance

O compliance cresceu no Brasil após a onda de corrupção que veio à tona, envolvendo órgãos públicos e o setor privado, mas, lembre-se, compliance deve ser tratado com seriedade.

Para combater a fraude, é necessário planejar ações, conhecer os processos e implantar na prática todas as estratégias essenciais.

Um programa sério de compliance vai te ajudar a:

  • Implantar controles internos.
  • Desenvolver um código de ética e conduta.
  • Estruturar a governança corporativa.
  • Aplicar um processo de segurança da informação.
  • Outros.

Confira o artigo: Como construir um programa de compliance.

A partir do momento em que o programa de compliance começa a ser implantado, a empresa passa a colher frutos significativos de manutenção da marca, diminuição de perdas e etc.

A gestão irá perceber com o tempo que os tipos de fraudes que antes aconteciam com frequência, passarão a diminuir significativamente.

2 – Realizar auditorias periódicas nas áreas mais vulneráveis da empresa!

realizar-auditorias-periodicas

Porque realizar auditorias periódicas é importante para combater os tipos de fraudes que ocorrem em uma empresa (Seja ela pequena, média ou grande)?

Após desenvolver um programa de compliance e colocá-lo em prática, é nítido que ações (se aplicadas de forma correta) passarão a dar resultados, mas, isso não quer dizer que se deve abandonar o ato de auditar periodicamente o programa.

Com o programa de compliance a todo vapor, o gestor já consegue obter informações essenciais do mapeamento dos setores mais propensos a fraude na empresa. Os mesmos, devem ser olhados com uma atenção especial.

Quais áreas estão mais propensas a fraudes?

  • Cadastro?
  • Compras?
  • Financeiro?
  • Crédito & cobrança?
  • TI?

Ambas estão diante de um cenário delicado, onde se lida com fornecedores e informações confidenciais.

É bem comum, ocorrer casos de fraudes nesses setores da empresa, por isso, é extremamente importante desenvolver estratégias de combate a fraude nessas áreas.

Esse artigo pode te ajudar: 5 dicas para desenvolver um plano de contingência.

3 – Invista em inteligência tecnológica para obter informações estratégicas

informacoes-baseadas-em-dados

Estamos vivenciando nas empresas uma mudança significativa na forma como tomamos decisões, podemos resumir isso com 3 palavrinhas simples: Data Driven Business.

Isso é o que chamamos de empresas que tomam decisões baseadas em dados e para tomar boas decisões, é necessário possuir dados e informações de alta qualidade.

Tal modelo de decisão pode exigir dos gestores outras bases de informações e isso, não falta no mercado!

  • Como saber se eu estou lidando com um fornecedor envolvido em corrupção?
  • Como saber se eu estou contrato um cara que nunca cometeu uma fraude?

Essas e outras perguntas podem ser respondidas por ferramentas que buscam informações em diversas bases de dados e claro, a upLexis pode ajudar você nessa jornada.

Unir a tecnologia a fatores que remetem decisões estratégicas para uma empresa, pode causar um impacto muito positivo nos resultados e objetivos almejados.

Conclusão

Espero que essas 3 dicas sirvam para ajudá-lo a combater os tipos de fraudes que acontece com uma certa frequência na sua empresa.

Caso você possua o interesse em saber como a upLexis pode ajudar a sua empresa nessa jornada, entre em contato com alguns de nossos especialistas, estaremos preparados para contribuir.

Aproveite também para baixar o nosso ebook compliance corporativo e entender melhor como é possível construir um programa eficiente e sério que irá te ajudar a gerir os riscos do seu negócio e a tomar melhores decisões.

É só clicar na imagem abaixo:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *